Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

Discoteca

                                   

 

Quem é que disse que eu queria ouvir música? Ainda por cima em altos berros?

 

A minha vizinha de cima vive sozinha e, geralmente, é bastante sossegada. Não faz barulhos anormais e quase nem se sente. Só em determinadas alturas é que se dá por ela, como vou contar a seguir.

 

Ora ontem e hoje fui para a disco sem sair de casa. Tive música de graça, se assim quiserem pôr as coisas. Foi uma sessão e pêras.

Ontem foi dia de limpezas. Assim sendo, a minha vizinha entusiasmou-se e até os móveis devem ter andado no ar. Ela deve ter dançado danças de salão, danças tribais e kizomba.

Até a minha pobre cadeira tremia com a vibração da música, por isso, já podem imaginar a altura da música!

 

Hoje foi matiné outra vez! O pior é que é discoteca de música africana, nomeadamente kizomba, que eu detesto! Já estava a ficar zonza e com os nervos à flor da pele quando, de repente, toca o telemóvel… trimm… trimmm… trimmm… Levantei-me a correr e fui atender. Era a minha amiga S. a dizer que vinha a caminho para irmos tomar café. Ufa! Hoje tinha sido salva pela S.!!!

 

Ontem não tive hipótese. Tive de aguentá-la. A minha safa foi a tarde inteira de conversa no MSN com a Existência e com a Crisálida. Amenizou um pouco a loucura que se estava a passar aqui em cima. Andei entretida com os templates. Ou melhora na elaboração de um novo visual para o blog do Helldanger.

Devo dizer que não o terminei. Assim que o terminar mando-vos ir lá espreitar, não fiquem tristes…

 

 

 

P.S. Não me responsabilizo pelo conteúdo deste post. Ele foi escrito enquanto tagarelava com a Existência e com a Crisálida. A culpa é delas!!!